Eu levo o seu coração comigo-e.e.cummings(1894-1962)

eu levo o seu coração comigo (eu o levo no
meu coração) eu nunca estou sem ele (a qualquer lugar
que eu vá, meu bem, e o que que quer que seja feito
por mim somente é o que você faria, minha querida)

                    tenho medo
que a minha sina (pois você é a minha sina, minha doçura) eu não quero
nenhum mundo (pois bonita você é meu mundo, minha verdade)
e é você que é o que quer que seja o que a lua signifique
e você é qualquer coisa que um sol vai sempre cantar

aqui está o mais profundo segredo que ninguém sabe
(aqui é a raiz da raiz e o botão do botão
e o céu do céu de uma árvore chamada vida, que cresce
mais alto do que a alma possa esperar ou a mente possa esconder)
e isso é a maravilha que está mantendo as estrelas distantes

eu levo o seu coração ( eu o levo no meu coração)



Tradução de Regina Werneck


6 comentários:

Paulo Braccini

28 de setembro de 2009 12:34
Permalink this comment

1

disse...

Meu Deus... qta beleza e verdades ... se o homem fosse capaz de aperceber estas simplicidades do bem viver, como o mundo seria diferente ... amei ... obrigado pela partilha ...

bjux

;-)

Alexandre Lucas

29 de setembro de 2009 02:34
Permalink this comment

1

disse...

Medo dá!

Luciano A.Santos

29 de setembro de 2009 13:21
Permalink this comment

1

disse...

James,

Não sei se compreendi bem, mas achei tenso, carregado. Muito bom.

Grande abraço.

Paulo

29 de setembro de 2009 16:16
Permalink this comment

1

disse...

Belo Blog.

Du

29 de setembro de 2009 22:38
Permalink this comment

1

disse...

Esse poema chega a doer de tão lindo...

Du

29 de setembro de 2009 22:38
Permalink this comment

1

disse...

Esse poema chega a doer de tão lindo...