Música-"O Tempo não para"(Cazuza)



Canção emblemática de um grande artista,durante muito tempo considerado 'meio doido','autodestrutivo'(prova quer muita gente não entendeu nada).Canção profética em sua amarga auto-ironia,sua descrição precisa da sociedade burguesa e de nosso país("eu vejo o futuro repetir o passado","eu vejo um museu de grandes novidades").Cazuza permaneceu e permanecerá como um dos gênios da nossa raça.Salve!

4 comentários:

FOXX

30 de julho de 2010 12:20
Permalink this comment

1

disse...

verdade! mto verdade!

1

disse...

bem, eu nunca fui fã dele e depois que li sua biografia gosto menos da pessoa cazuza e o artista... entrou pra história de um jeito ou de outro.

Tucha

31 de julho de 2010 11:08
Permalink this comment

1

disse...

Um grande poeta, sensível, inquieto e um pouco louco... humano.

Ana

3 de agosto de 2010 22:22
Permalink this comment

1

disse...

Um poeta polêmico.
Amado ou não, mas de qualquer maneira um poeta.
Obrigada querido pelas felicitações!
Beijos!